sexta-feira, janeiro 30, 2015

CONTAGEM DECRESCENTE


A menos de 24 horas da partida. Vou ali arrumar a trouxa.

PS - Nem sei mesmo porque é todos os anos me meto neste empeno sem treinar o que devia. Este ano o objetivo já não é ficar abaixo das 9h, é acabar nas 13h de tempo limite. Se os deuses da Lousã e as minhas costas deixarem, às 22horas de Sábado gostava de estar a comer uma "Chanfana de Cabra" em Miranda do Corvo. A ver vamos... Wish me luck!

TERÇAS À NOITE AO PÉ DE CASA


Os treinos das terça-feiras à noite pelas 20h30 mantêm-se desde há cerca de dois anos. De todas as vezes que apareço por lá, encontro sempre gente nova e meia-dúzia de "incondicionais", os mesmo que vejo ir a tudo e a todas, numa motivação que já tive e agora invejo ( um bocadinho só). Mas passam-se semanas que não "ponho lá os pés", umas vezes por preguiça, a maioria por trabalho e outras, porque correndo de manhã, não me apetece repetir a "dose" à noite e quero ficar no remanso de casa, o PDI pede-o e o inverno tem sido frio. Nestas últimas duas semanas voltei a ser um assíduo das "terças-feiras", por pressão dos Trilhos dos Abutres onde quero chegar ao fim mas também pelas vozes que vão zurzido acerca do meu descuidado sentido estético ( não vejo nada, sobretudo para baixo do nariz). Sinceramente gosto das terças-feiras, o grupo é sempre animado, recupero o meu défice de socialização e acabo por fazer sem dar por isso aproximadamente 16km de treino nos bonitos trilhos de Monsanto. Aqui estão 18 os que se aventuraram nesta noite fria, mas lá mais para a Primavera, com os dias mais amenos, chegam a aparecer 40.

sábado, janeiro 17, 2015

OS FRANCESES SÃO OS MAIORES!

UTMB 2010


É sabida a minha simpatia natural pela França e pelos franceses. Das três vezes que ali estive foram sempre momentos agradáveis que guardo de um país com gente educada e simpática, campos floridos e ordenados e cidades cheias de história e respectivo património, quase sempre bem conservado. Admiro o que vem da França, sobretudo os seus ideais civilizacionais, os valores republicanos, as "escolas" de pensamento filosófico, sociológico, historiográfico, artístico e político e entre muitas outras coisas, os prazeres da mesa, como o pão ( ai, os brioches) queijo e "tinto" ( perdia-me nas três filas que quase todos os supermercados dedicavam aos vinhos, champanhes e outros etílicos de qualidade). 
Apesar deste "kit da felicidade", a maioria dos gauleseses e gaulesas ( elas loirinhas, femininas e muito "coquetes") não tem a barriga de obelixes. São na generalidade magros porque pelo que observei comem com parcimónia e pouco antes de ir para a cama e na sua maioria, fazem desporto ( claro que se fizessem um estágio gastronómico em Portugal, nem o muito desporto os safava de se assemelharem ao célebre personagem de Urdezo).
E para provar esta ultima afirmação, ao fazer uma pesquisa hoje pelo calendário de provas de "Trail Running" europeu vi que só na França existem 2069 organizações deste tipo, muito longe do 2ª lugar da Grã Bretanha com 359 eventos e dos "nuestros hermanos" com 274. Uma curiosidade: Portugal com 66 ultrapassa a Alemanha com 62. Tomem lá, ganhámos!

Não fosse eu ter-me tornado nestes últimos tempos um COFS ( corredor ocasional e de fim-de-semana) e andar sempre a contar os tostões, todos os anos estava batido na Gália para um "retiro espiritual". Claro que os copos de vinho de Bordéus ajudavam a que o momento fosse ainda mais Zen!

Adieu.

2015 - 2016 Europe Trail Race Calendar

Arquivo do blogue