Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de 2010

Raid Transpeninsular - Raidbook já disponível!

Já está disponível o Raidbook Raid Transpeninsular.
A uma semana do termo das inscrições, estão inscritas no Raid Transpeninsular e Barreiro Urban Challenge 32 equipas. Este indicador leva-nos a encarar com muita expectativa e responsabilidade a organização deste evento que encerra a época de Corridas de Aventura. Atraídos pela adrenalina das actividades verticais, pelo desafio da Orientação ou pela oportunidade de competir lado a lado com as melhores equipas nacionais, estamos convictos de que em breve estarão preenchidas as 18 vagas em aberto. Aos que já se inscreveram podem desde já planear a vossa estratégia e consultar o Raid Book, que, embora provisório, já tem elevado grau de confiança.
Fruindo a natureza e o património; optando pelo percurso mais curto; ou “trincando a carótida” para concluir 150 km em 12horas, no final do dia todos, em salutar convívio, vão receber o seu troféu de finisher, com as três melhores equipas de cada escalão a ser premiadas pelo seu mérito, com troféus…

Barreiro Urban Challenge - Aventurem-se!!!

O “Barreiro Urban Challenge”, é uma aventura urbana dirigida para toda a população independentemente da sua condição física (modelo popularmente conhecido por City Chase) que se desenvolve no território do concelho do Barreiro e tem como objectivo principal divulgar o seu património histórico, cultural e natural através da prática desportiva.

É um desafio de equipa (equipas de 2 elementos femininas, masculinas ou mistas) caracterizado pela vertente lúdica, mas onde a competição está presente enquanto factor motivacional e social. Está indicado para quem se quer iniciar nas corridas de aventura e orientação. Para amigos, famílias ou associações que pretendam experimentar a adrenalina das actividades verticais e de ar livre. Destina-se também aos grupos/equipa de jovens do Desporto Escolar.

Esta actividade física desportiva insere-se na modalidade de Orientação, onde os mapas são, portanto, o elemento sempre presente embora sem dificuldade técnica. No mapa estão assinalados os postos de…

Apresentação do Raid Transpeninsular - Aventurem-se

Pontua e encerra a Taça de Portugal de Corridas de Aventura desta época, tutelada pela Federação Portuguesa de Orientação. Vai decorrer na Península de Setúbal a 20 de Novembro de 2010 e tem como objectivo principal divulgar o património histórico, cultural e natural da região através da prática desportiva.

É uma iniciativa do Clube Aventura do Barreiro que em estreita parceria com o Grupo Desportivo União da Azoia e municípios do Barreiro e Palmela partilham a organização da 2ª edição do Raid Transpeninsular e o 3ª Barreiro Urban Challenge.
Estrutura da Prova e Modelo competitivo
A prova tem a duração de 12 horas em regime no stop. Desenvolve-se por etapas, com partida às 9:00 horas do centro histórico do Barreiro e termina pelas 21:00 horas no centro histórico de Palmela, onde decorrerá em cerimónia de encerramento.
As equipas constituídas por 3 elementos progridem através de meios não motorizados (BTT , Canoagem, Pedestre , Natação), utilizam técnicas verticais e manobras de corda para…

UTMB -Partida, cancelamento e esperança.

Rostos Felizes.
Recebi hoje um mail da organização a dizer-me que em virtude da prova ter sido cancelada e de não ter estado no recomeço no dia seguinte iria receber uma "compensação financeira". Porreiro pá, sempre dá para atenuar o défice cá em casa ( sim, também estamos em recessão). Pois é, depois de ler a mensagem apeteceu-me voltar aqui ao "Trilhos" e dar por concluída a " Odisseia UTMB 2010". Para os que ainda tem a pachorra de vir até este "espaço" vou procurar ser breve para que a leitura não canse. Chamonix é um paraíso para aventureiros de diferentes modalidades. O espaço envolvente (a montanha), a forma como estão organizadas as actividades com boas informações e meios de transporte para todo o lado ( até para próximo dos 3000mts) e a "logística" que se encontra na cidade permite a qualquer um, seja caminheiro, alpinista, ciclista, corredor de montanha ou o que for ( há para ai muita "multidisciplinaridade" nos dias …

UTMB Turísmo nos Alpes - Estar na partida - Parte II

Genéve ( Suiça) vista da cidade e do lago Le Man
Annecy ( França) também chamada a "Veneza dos Alpes"
A cidade de Genéve não deslumbrando tem aspectos que muito me fascinam nas cidades do centro e norte europeu, muitas ciclovias, espaços verdes, transportes públicos "ecológicos" e gente que não sendo "exuberante" parece "bem com a vida". Percorri agradado a cidade numa bela tarde soalheira com temperatura de verão, gente nas esplanadas e muitos ciclistas. A visão da "transparência" do lago Le Man que banha a cidade, deu-me logo vontade de dar um mergulho, o que fiz assim que tive oportunidade numa praia fluvial da cidade com muitos banhistas. Assim que entrei na água percebi que esta teria acabado de descongelar de um qualquer glaciar da zona de tão fria que estava, mas, para mim que ansiava há meses alguma liberdade e equilíbrio, o espaço e o momento foram o primeiro passo ( os pequenos passos são o inicio dos grandes). Chegado a Chamoni…

UTMB Mudança de Planos - Estar na partida ( Parte I)

Foto 1 Hugo Velez ( amanhecer no UTMB)  Foto 2 Maindrufoto ( na ascensão ao primeiro cume o Délevret a 1800mts entre milhares de atletas enquanto a noite do 1º dia já caia).
Sabia que as condições para fazer o UTMB eram... nenhumas. Tinha esta impressão há muito tempo e passou a certeza no último mês, quando fiz raros esforços para treinar para tamanho empreendimento. Pior, a cabeça não estava "sintonizada" para a participação num dos trails mais duros e fascinantes do mundo, o que para mim é o elemento principal, mesmo quando não "há pernas". Em Janeiro, principalmente ( e não só) por causa da lesão que me afectava ( e afecta), havia dito, "este não é o meu ano" e pensei em voltar atrás na minha então "candidatura". Mas já era tarde, o sorteio no final desse mês ditou a minha "sorte", seria portanto um dos 2800 atletas à partida do UTMB 2010 entre mais de 4000(!) pré- inscritos. "Bora lá" pensei eu, ainda faltavam uns meses, p…

UTMB - ADIADO

Caros amigos

O blog e os projectos desportivos, ficam adiados até o autor resolver questões fundamentais da sua vida pessoal.

Obrigado a todos os que "frequentaram" este blog e que me deram força para continuar nos trilhos.

Até breve, breve, mas mesmo "breve".

Abraços

No trilho do Monte Branco ( Parte I)

No trilho do Monte Branco ( Parte I)
As conversas são como as cerejas, na nossa equipa ( O CAB), não é difícil sobretudo quando falamos de aventuras. Perco a conta a quantas vezes já viajamos num avião feito de sonho pelo mundo a fazer provas de BTT, Ultramaratonas, corridas de aventura... e sei lá que mais que nos levem a estar envolvidos por natureza e a conviver. Quando o “combustível” se esgota, “aterramos” na realidade dos nossos condicionalismos pessoais mas também numa “possibilidade” (para que possamos descolar de novo no tal avião). A ideia de viajar até ao Monte Branco para fazer um dos ultratrails mais duros e conhecidos do mundo nasceu desta forma, na possibilidade de podermos viajar até à Suiça em Agosto de 2010. A ida ao Monte Branco é um desejo antigo, daqueles que precisa de um “empurrão” para pegar. Este foi dado pelo crescente numero de portugueses que tem vindo a participar na prova, sobretudo por amigos ligados ao clube e pôs-se em marcha depois de uma época de com…

O dia começa cedo.

Na Arrábida em 2006 com o dia a começar.

António e Ana, existem linguagens que só nós entendemos! Obrigado pelas vossas palavras.
O dia começa cedo. Há muitas coisas para fazer ao longo deste, será preciso arrumá-las para que não fique a sensação que somos derrotados pelo tempo. Uma delas é treinar para uma prova de 166km. Não se adivinha uma tarefa fácil, mas tenho de a levar a cabo. São 04h20m e já estou acordado, são 05h00 e já estou a treinar, objectivo, um treino pedestre com mais de 4h. Não defino muito o percurso, vou um bocado como gosto de ir, " ao sabor do vento". A zona que tenho para treinar, nas imediações da minha casa, é o espaço descontinuado entre a urbanização selvática e o que felizmente se protegeu desta. Se escolhêssemos o "rio da nossa vida" eu escolhia o Tejo, todos os meus sentidos estão-lhe associados, faz parte da minha identidade e julgo que já da minha genética. O outro seria o rio da terra do meu pai, o Nabão, do qual guardo memórias feli…

Uma determinação do tamanho do Monte Branco

Fonte: UTMB

Caros amigos, Obrigado pelas palavras que escreveram aqui, muito me sensibilizaram.
Pois é, voltei aos trilhos porque nem só de pão vive o homem ( só falo assim porque pertenço à parte do mundo que pode satisfazer outras necessidades que não as vitais). Eu, apesar do carrossel da vida com o seu vertiginoso quotidiano, nunca deixei de correr, pedalar e dar umas braçadas. Momentos houve em que pouca vontade tive de o fazer, mas lutei contra esse "comodismo" cerebral que nos está sempre a apontar o "caminho mais fácil" para a resolução de um dilema. Em tempos e durante uma fase má na vida, lembro-me de correr várias vezes com um nó na garganta, contrariando um corpo que em obediência ao cérebro queria deitar-se e nunca mais se levantar. Nos dias que correm, tenho os "altos e baixos" de sempre, mas tenho igualmente a determinação de sempre! E ainda, nos dias que correm e outros que já correram ( vai para 1 ano) tenho uma lesão na perna que faz estrem…

ATÉ BREVE

Não tem sido o meu blog mais conseguido. O Homem da Maratona foi-o, mas foi "deletado" num acesso fugaz de fúria por ter trilhado caminhos que considerei não estarem de acordo com os objectivos da sua criação. Hoje estou arrependido da sua prematura "morte" ( com 1 ano atingiu na altura mais de 7000 visitas).  Nasceu depois aqui o "trilhos", com a vontade de dar asas à escrita e à memória das aventuras que tanto sentido dão aos meus dias. No entanto, nunca teve a vivacidade do anterior por motivos que contrariam o óbvio ( a sinceridade é assim). Em tempos quase foi vítima da mesma emoção destrutiva, salvou-se, está novamente, diria, em estado "vegetativo". Pondero se valerá a pena insuflá-lo de vida ou deixá-lo na eternidade do universo virtual, pontualmente encontrado por quem navega na busca de uma palavra ou imagem que lhe sirva como "interesse". Quem sabe se num futuro mais distante seja gratamente recordado e elevado à categoria de…

CRÓNICA DO MIUT NO FÓRUM O MUNDO DA CORRIDA EM 2009

Estava a ler o Fórum O Mundo da Corrida e um bocado inesperadamente dei com o que tinha escrito em 2009 acerca do Madeira Ultra Trail Island. Apeteceu-me "colá-lo" aqui.

Olá a todos.


Depois de tratadas as bolhas e a preguiça, aqui estou para escrever algumas linhas acerca do MIUT 2009.


Em primeiro lugar quero reafirmar que o que é nacional é bom ( as massas também ;-)! Este ano assistimos a alguns bons eventos de trail nacional, se investirmos com a nossa participação eles certamente que crescerão tornando-se ainda melhores. Só temos vantagens em "ir para fora cá dentro" ( julgo que me estão a perceber...), é bom, mais barato e valorizamos o que é nosso!


Em segundo, o MIUT teve uma organização que pela sua excelente qualidade global merece que se perdoem algumas pequenas falhas que julgo serão corrigidas numa futura edição. Isto porque a organização soube na altura certa ouvir as críticas dos participantes, e quem sabe ouvir, sabe fazer melhor!


Em terceiro, a chamada &…

Taça de Portugal de Corridas de Aventura 2009/10 II Raid "Pelos Caminhos da Egitânea"

Taça de Portugal de Corridas de Aventura 2009/10
II Raid "Pelos Caminhos da Egitânea"
Decorreu na região de Idanha nos dias 20 e 21 de Março a 3ª prova da época 2009/10 da Taça de Portugal de Corridas de Aventura organizada pela ADFA e FPO. O CAB- SUPERBIKES esteve presente no escalão de elite com os atletas Ângela Cruz, Esmeralda Câmara, José Neves e António Neves, disputando a sua segunda participação nesta temporada. A leitura antecipada do Raidbook não advinhava facilidades para as 33 equipas em competição, pois eram esperados mais de 200km multidisciplinares, sobretudo orientação pedestre - 74km, e em BTT -156km, mas também actividades de cordas, natação e canoagem.
A prova começou com 12km pedestres circulares à localidade do Rosmaninhal e o CAB-SUPERBIKES entrou determinado em fazer jus do seu valor demonstrado em épocas anteriores. Apesar de um pequena desconcentração de inicio, fruto do habitual esforço para "entrar bem no mapa" que nos fez perder alguns m…

AS DUAS ÚLTIMAS SEMANAS - O INVERNO DO NOSSO DESCONTENTAMENTO.

Durante o "Quadriatlo Terra Livre" (natação, canoagem, BTT/orientação e corrida) - Lagoa de Albufeira 2008 - Antes da partida para o segmento de natação da esquerda para a direita - Fernando Feijão,Rui, Filomena, Ricardo, Pedro, Velez, Silva, A. Neves, Rui Marques, J. Neves, Ângela e Esmeralda.
" O Inverno do nosso descontentamento" a par de " Vinhas da Ira" do John Steinbeck fazem parte dos livros da "minha vida" ( o segundo para mim mais marcante que o primeiro). Rebusco o titulo retirando-o da história do livro para que dê sentido ao que eu e muita gente tem vindo a sentir este inverno. Desgraças à parte, para quem gosta de fazer uns treinos fora de portas, sobretudo de bicicleta, isto está mesmo um "descontentamento". Raras são as vezes em que saio de casa para dar "umas pedaladas" e não comece a chover. Na corrida suporta-se, agora a treinar BTT é mais complicado, caminhos intransitáveis, roupa ensopada, frio, perde-se de…

RESUMO DA SEMANA - A ÉPOCA COMEÇOU FINALMENTE

Durante um treino na Lagoa de Albufeira em 2005.

 Depois de alguns meses a "pastar" e um Janeiro de adaptação ao treino ( uma espécie de mês zero), o Fevereiro tem de ser para "dar no osso". Por isso, vou postar aqui todas as semanas o resumo da minha semana de treino&afins. Serve de motivação para mim e também para quem a quiser "apanhar".

Domingo 31 - Domingo 7/2

As baldas sucessivas aos deveres familiares levaram-me a cortar o Duatlo/Raid de Orientação do Espichel e a substituí-lo por uma corrida de 25km com um grupo de malta ali para os lados do Vale do Trancão no domingo 31. Assim a semana começou com o que já não fazia à muito tempo, um treino longo de corrida como deve ser, em boa companhia. No dia seguinte, com problemas em recuperar e ainda a queixar-me de "qualquer coisa na nádega esquerda que não sei se é o isquitibial, se síndrome do piriforme, se ciático mas que dói lá isso dói", fiz natação. Na terça népia, na quarta um treino…

UTMB - EU VOU!

Bonjour,



Vous êtes pré-inscrit pour l’UTMB / la CCC.


Le tirage au sort a été effectué et nous avons le plaisir de confirmer votre inscription à l'UTMB® / la CCC®.


Vous devez maintenant finaliser votre inscription, à partir du 22/01/2010 et avant le 31/01/2010.

Depois de ontem à noite ter sabido do resultado "positivo" do sorteio para o UTMB, hoje recebi este mail para dar seguimento ao processo de inscrição.
Se tudo correr bem a 28 de Agosto estarei em Chamonix na linha de partida para tentar "conquistrar" o Monte Branco. Por agora posso dizer: UTMB, EU VOU!



ORI BTT Grândola 16 e 17 Janeiro

Próximo fim-de-semana com dose dupla num regresso à Orientação onde não tenho estado com a regularidade que gostaria e devia para melhorar outros desempenhos desportivos, sobretudo nas Corridas de Aventura.
Um mês que está a  ser de regularidade nos treinos, mas com muita falta dos de bicicleta ( maldita chuva). O balanço é até agora o de alguém depois de uma paragem longa e uns quilos a mais, tudo pesa, tudo dói, mas, "estou aqui" ( faz-me lembrar a expressão habitual de uma camarada de clube nas corridas de aventura durante as etapas pedestres mais longas e com mais declive nas quais estávamos um bocado mais "desligados" uns dos outros, eu como elemento do meio e de "ligação" chamava-a com frequência pelo nome e de imediato ouvia uma voz determinada, "estou aqui"!. Sim, "estamos aqui" camarada!
Para a semana o sorteio UTMB, depois, volume, volume, volume! Ah, e uma prece zangada ao ao S. Pedro " chega de água pá" ;-)!


UTMB 2010 - O projecto do ano além fronteiras

UTMB® (Tour du Mont Blanc)

Mountain race, with numerous passages in high altitude (>2500m), in difficult weather conditions (night, wind, cold, rain or snow), that needs a very good training, adapted equipment and a real capacity of personal autonomy.

É já amanhã que encerram as inscrições para o UTMB 2010. Nesta edição e ao contrário da do ano passado, foi depressa atingido o limite de inscritos e por isso vai haver sorteio o que ocorrerá também esta semana. É com alguma ansiedade que aguardo por saber se pertenço ao lote de eleitos que estará no Monte Branco ( Suiça) em Agosto para disputar um dos trails mais duros e emblemáticos de todo o mundo. Como é que cheguei aqui? Amealhando no último ano os "slots" necessários para estar presente na pré-inscrição para UTMB, ou seja, 1 ponto nos 60km da Serra da Freita - 9h14m ( Ultra Trail Serra da Freita) e 3 pontos nos 105km da Madeira - 25h49m ( Ultra Trail Madeira Island ).
Somos 47 portugueses "neste estado de ansiedad…

ANO NOVO, VIDA NOVA

E pronto, lá entramos em 2010 com o tradicional mergulho na praia de Sesimbra entre amigos de aventuras renovando os votos de sempre, saúde, amizade e muito desporto aventura em natureza! Um brinde da minha ginja, chá e bolos da Esmeralda e a minha vontade de superar algumas das dificuldades dos últimos meses ganham asas do tamanho das de um... Condor! Isto porque esta quase metamorfose acontece pelo efeito de um grupo onde se cultiva o respeito pelas diferenças individuais e a paixão por aventuras comuns. Obrigado camaradas um BOM ANO DE 2010!

PS - Na praia de Sesimbra, Alentejano, Zen, Iron, Green, Espanhol, Julyus e & e Sarita. Fotos Zé da Green

Está frioooooooooooo

Habituados que estamos a que durante grande parte do ano faça sol e boa temperatura, quando aparecem os dias mais frios refugiamo-nos "cobardemente" entre mantas , sacos de água quente, meias de esqui ( tenho umas, são uma maravilha) e desculpas esfarrapadas que só nos convencem a nós. Confesso que eu sou um destes, sou o que se diz, um "friorento". Tenho de lutar interiomente para pôr os pés fora de casa quando os termómetros baixam dos 10º e quando os ponho, vou por vezes tão agasalhado que passado pouco tempo estou a suar em bica e a "alivar a carga em excesso" para que não aconteça o contrário, não "morra de calor". Não sou propriamente uma "flor de estufa", adoro sentir os elementos, já passei por dias e noites geladas em locais e situações onde as possibilidades de encontrar calor ou agasalho eram remotas a ainda assim resisti com um sorriso, gracejando com os que estavam comigo e continuando a perseguir o objectivo que me fazi…