Avançar para o conteúdo principal

BORA LÁ AO EXTREME CHALLENGE





Estas últimas duas semanas foram de treino intenso. Tento desta forma recuperar algum atraso na preparação para a derradeira etapa da Taça de Portugal de Corridas de Aventura, também eleita Campeonato Nacional de Corridas de Aventura 2009, o 2º organizado pela FPO. O "Extreme Challenge" ( nome dado a esta prova) decorrerá no belo cenário da Serra do Gerês em ambos os lados, o português e o espanhol ( Xurés). Espera-se portanto um desafio duro entre os 150Km ( aventura) e os 200km (elite) divididos por mais de 36hrs de prova com um considerável desnível acumulado e condições atmosféricas imprevisíveis, próprias das serras a norte. A propósito disto está gravado na minha memória ( e em alguns dos companheiros de aventura ainda no corpo) os -14º sentidos há dois anos "ali ao lado" na Serra do Larouco também numa prova do género ( Montalegre). Não será de esperar em Junho um temperatura tão "extreme", no entanto muito calor ou frio são sempre aspectos a ter em conta e que em muito influenciam o desempenho físico dos aventureiros. As modalidades, ainda não exactamente definidas, vão desde as maioritárias ori-pedestre e ori-BTT, às de canoagem ( sempre a ter em conta e muitas vezes decisivas),natação, cordas, tiro com arco e ainda jogos de estratégia e em equipa, entre outras a anunciar pela organização em breve. Espera-se assim um fim-de-semana em grande, com as melhores equipas ( as habituais e outras que se "fortalecem" propositadamente para disputar o título de campeão nacional) aqui do "burgo" e do país vizinho ( os espanhóis ali costumam aparecer em força e com as suas equipas nacionais de topo que são-no igualmente no plano internacional).
Mas falava da minha preparação para referir que depois de uma semana de 180km de BTT, 9hrs de pedetesre e algumas sessões de natação, nesta ressenti-me muscularmente e não treinei 2 dias ( e num só fiz natação). Efeitos do atraso que referi e da adaptação ao aumento do volume de treino. Para a semana espero voltar com mais quantidade e qualidade.

Foto: António, Ângela e eu - CAB/Elite na última prova realizada em Sesimbra. A fotograia refere-se à 2º etapa do 2º dia na qual se fez a travessia da Lagoa de Albufeira a nado ( com todo o material da etapa)valendo 2cps

Comentários

Força aí, amigo Zen.
A preparação para esse desafio é
coisa séria.
Aproveito para felicitá-lo pelo facto de os "Trilhos Míticos" terem sido objecto de uma merecida referência na Revista Atletismo deste mês, bem como a entrevista publicada sobre "experiên cias enquanto corre". Gostei muito de ler.
Grande abraço.
FA
Zen disse…
Caro amigo

Obrigado!

Por vezes desiludido com a vida e com as oportunidades que ela não me reservou, digo: "bolas, não tenho sorte nenhuma!".
Mais tarde, "tropeçando" na significância das palavras e gestos daqueles que me rodeam,percebo que a tal "sorte" tão procurada é insignificante perante esta tamanha fortuna já realizada.

Forte abraço.

Mensagens populares deste blogue

MEMÓRIAS DA SERRA DA CARREGUEIRA

( Legendo só a última fotografia - este era um tanque de água próximo do quartel onde vínhamos tomar banho no verão na esperança de vermos também umas miúdas que por lá apareciam de vez em quando)

Por vezes basta uma palavra, um encontro com uma pessoa ou o regresso a um lugar, para que a memória se abra como um livro e revele parte da história da nossa vida que afinal, ao contrário do pensamos, ainda está bem viva em nós. Foi o que me aconteceu esta semana com o convite do Luis Miguel para um treino na Serra da Carregueira - Sintra, local onde há 27 anos atrás, estive às ordens do Estado pelo período de 16 meses a cumprir o então "serviço militar obrigatório". Chamava-se na altura "Regimento de Infantaria nº 1", que incluía um dos chamados "Batalhões operacionais de primeira linha" do Exército português, o que significava, homens prontos para uma eventual intervenção militar imediata, isto apesar da guerra colonial ter acabado na altura havia 12 anos e …

NÃO HÁ ALMOÇOS GRÁTIS

Finisher na Maratona de Lisboa 2007
(Fotodesporto)
Depois de duas consultas no CMD ( Centro de Medicina Desportiva) com RX´s e ressonâncias na mão e algumas horas de espera, sou recambiado para uma consulta no Hospital da Cuf com o argumento de que o meu problema era "complexo". Habituado às "complexidades" da vida e sobretudo a perceber como estas alimentam as diferenças de poder e "afirmam" crenças, neste caso de que todas as opiniões médicas são prescritivas ( entre outras opiniões de "especialistas"), pensei, "já vou ficar a arder com mais uns tostões". Mas fui, não fujo ao grupo dos "crentes", mesmo que tenha consciência dos dogmas de uma ciência quase transformada em religião, e confesso que os referidos especialistas são para mim ( e para mais) uma espécie de pastores evangélicos que nos libertam sempre um "aleluia", afinal, algo existe além desta enfadonha ignorância quotidiana na qual a maioria de nós chaf…

SE CÁ NEVASSE FAZIA-SE CÁ SKI

Zé Neves a fazer SKU desde 2010 (sempre a descer)!

Salada de frutas - Se cá nevasse fazia-se cá ski
"Sebastião cá voltasse
Se a moleza se cansasse
Se o Eusébio 'inda jogasse
Ai que fintas que ele faria um dia...
Se o imposto não subisse
Se o emprego não fugisse
Se o presidente sorrisse
Outro galo cantaria um dia...
Se cá nevasse fazia-se cá ski...
Se cá nevasse fazia-se cá ski...
Se cá nevasse fazia-se...fazia-se...

Há sempre um "se" no caminho
Que me deixa as mãos tão presas
Se eu cortasse o "se" daninho
Talvez me livrasse das incertezas...
Se cá nevasse fazia-se cá ski...
Se cá nevasse fazia-se cá ski...
Se cá nevasse fazia-se...fazia-se..."